---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


LINDÓIA DO SUL DESENVOLVE AÇÕES SOCIAIS QUE PROMOVEM INCLUSÃO E EMPODERAMENTO DAS PESSOAS

Publicado em 01/07/2019 às 16:16 - Atualizado em 01/07/2019 às 16:19

Atender a população com qualidade e com comprometimento tem sido uma meta prioritária da Diretoria de Assistência Social do Município de Lindóia do Sul. Uma das ações de maior relevância é a descentralização dos trabalhos em algumas comunidades da zona rural do município. A diretoria de Ação de Social, promove oficinas de artesanato para as comunidades do interior, o que atinge uma média de 140 pessoas. Através dessas ações, evita o isolamento social na área rural, pelas peculiaridades desses indivíduos que moram em lugares bastante afastados, acabam não tendo acesso ao trabalho feito no CRAS, pois esse se localiza na sede, então constatou-se que o isolamento social acarreta consequências na vida do usuário, principalmente na saúde e autoestima entre outros. A responsabilidade do Município é sanar esses problemas junto a comunidade no exercício de sua cidadania.

 

É um trabalho que tem um importante impacto social, que auxilia no empoderamento e na inclusão das pessoas”, pontua Joice Pagno, diretora de Ação social. “Todas as atividades são coordenadas por profissionais capacitados e comprometidos com o público atendido. É um trabalho que nos deixa muito satisfeitos. Ficamos imensamente felizes em poder atender a comunidade, ajudando a construir a história das famílias”, finaliza.

 

Outro trabalho desenvolvido pela Diretoria de Assistência Social é um projeto de Aprendizagem Industrial do Menor Aprendiz, que auxilia os jovens no mundo do trabalho. O objetivo é combater a evasão escolar e o trabalho infantil. Já o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) é a porta de entrada da Assistência Social, integra o nível de proteção social básica do SUAS. Os principais serviços ofertados pelo CRAS são: o Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família (PAIF), o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), Serviço de Proteção Social Básica no domicílio para pessoas com deficiência e idosas. Atualmente, o CRAS possui, no SCFV oito grupos ativos organizados por ciclos de vida, que executam diversas atividades socioeducativas, de forma a complementar o trabalho Social com famílias, dentre elas: Comemoração Semestral dos Aniversariantes, Educação Cidadã, Viagens culturais, Atividade Socioeducativa, com atividades Manuais com Mulheres, crianças e adolescentes, Atividades musicais (Violão, Flauta, Banda Percussão) e ainda teatro, encontro com as famílias dos usuários participantes nos serviços, Noite da Família, Dia “d” quem cuida de mim, Confraternização com as famílias no Natal, Tomando chá com idoso, Pão Social, Ações Comunitárias e Campanhas. Por fim, são desenvolvidas outras ações particularizadas e coletivas com famílias inseridas no Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família –PAIF, entre elas: Grupo com famílias Beneficiárias dos programas de Transferência de Renda Bolsa Família, BF e Benefício de Prestação Continuada – BPC.


Galeria de Fotos

  • {{galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
  • {{galeriaMultimidia.length + galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
Fechar