---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


GOVERNO FEDERAL APROVA RECURSOS PARA O CEMITÉRIO VERTICAL DE LINDÓIA DO SUL

Publicado em 12/08/2019 às 18:33 - Atualizado em 12/08/2019 às 18:34

Uma grande conquista para Lindóia do Sul. O Governo Federal aprovou um montante de quase R$ 2 milhões para a construção de um cemitério vertical no município. O prefeito Genir Loli esteve em Brasília e recebeu a confirmação. "Estivemos no Conselho Federal dos Direitos Difusos, no Ministério da Justiça, para defender o projeto do cemitério vertical que, por ser muito bem escrito, foi elogiado, inclusive a relatora afirmou que o projeto vai servir de base para todo o país. Todas as cidades que têm problemas com cemitérios podem se espelhar neste projeto, que é inovador e audacioso. Temos a consciência de que esse é um tema que mexe com o sentimento dos nossos munícipes. Esse não é o nosso desejo, ao contrário, nos sensibilizamos com todos os moradores que perderam seus familiares e amigos e que periodicamente prestam suas homenagens. Lembramos que nosso cemitério municipal está com a capacidade esgotada e está situado dentro de uma Área de Preservação Permanente (APP), por isso, o órgão ambiental notificou o município e deu prazo de máximo cinco anos para a retirada dos corpos da referida área, portanto,  precisávamos agir com urgência em busca de uma solução", assinala. O prefeito aproveita para agradecer todos os profissionais envolvidos nesse projeto que se empenharam para que as ideias saíssem do papel, sendo agraciados pelo Ministério da Justiça com quase R$ 2 milhões que é o custo do cemitério vertical. "Nossos agradecimentos às profissionais: Maristela Strauss (gestora dos projetos municipais) e Gabriela Grisa (arquiteta). Ficamos gratos pelo empenho, dedicação e profissionalismo," acrescenta.

 

O prefeito de Lindóia do Sul, Genir Loli, destaca que a construção de um cemitério vertical é uma necessidade para a população. "Toda a região sabe que Lindóia do Sul não tem um cemitério adequado para enterros dentro do perímetro urbano e nós da Administração Municipal fomos buscar essa solução, dentro da inovação, e daqui uns dias o Ministério fará o convênio, então vamos assinar a documentação na Caixa e começar a tramitação para providenciar o processo de licitação da obra.  Agradecimento também ao gabinete do senador Jorginho Mello que deu todo o apoio e auxílio nas tratativas e liberação desse projeto", pontua.  A construção do cemitério vertical trará benefícios significativos aos moradores, assegurando melhores condições de acesso, agilizando os atos funerais e melhorando os aspectos ambientais.  Trata-se de um investimento bastante aguardado pela comunidade. 

 

VIAGEM A BRASÍLIA

 

De acordo com o prefeito Genir Loli, a visita a Brasília foi muito produtiva. Foram visitados vários ministérios e parlamentares em busca de recursos e em defesa de ações que visem o desenvolvimento de Lindóia do Sul e a melhoria da qualidade de vida e bem-estar da população. "Fomos resolver assuntos do município, dentre os quais: no Ministério da saúde a Portaria dos 15 leitos e UCP para o Hospital Izolde Dalmora;  no FNDE  fomos buscar a liberação do ônibus para o programa Caminho da Escola; no MDR tratamos sobre a liberação da segunda parcela dos recursos para o asfaltamento da rua Concórdia, que está em fase de acabamento; na Defesa Civil fomos defender a ponte na Rua Barão do Rio Branco, onde existia uma pinguela que foi levada pelas chuvas de 12 de março que atingiram o município e no Ministério da Cidadania, buscamos recursos para a construção de conjuntos habitacionais", finaliza.

 

PG Comunicação